Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008
Olhão. Não há meio de aquecer.

 

 

Francisco Leal, sem oposição visível, será de novo presidente da Câmara de Olhão.
 

Os candidatos do Partido Socialista às presidências das Câmaras do Algarve vão ser divulgados em Março de 2009.

A Comissão Política da Federação reuniu-se no passado dia 21 e aprovou a realização do Fórum Autárquico, em Março, reunião que terá como principal tema a apresentação pública dos 16 candidatos socialistas às diferentes autarquias.

Os actuais presidentes de Câmara do Partido Socialista – Manuel Marreiros (Aljezur), Júlio Barroso (Lagos), Carlos Tuta (Monchique), Manuel da Luz (Portimão), José Apolinário (Faro), António Eusébio (São Brás de Alportel) e Francisco Leal (Olhão) – voltam a recandidatar-se às Câmaras a que presidem.

Hoje, com algum grau de certeza, podem avançar-se os nomes que começam a circular nas estruturas partidárias, como candidatos às restantes autarquias – José de Deus (Vila do Bispo), Aurélio Marcos (Lagoa), David Martins (Albufeira), Lisete Romão (Silves), Jovita Ladeira (Vila Real de Santo António), Almeida Martins (Castro Marim) e José Galrito (Alcoutim).

Neste conjunto, ao que o «barlavento» apurou, apenas está problemática a nomeação dos candidatos para Loulé e Tavira.

A nova Comissão Política da Federação do PS, que tomou posse no dia 21, reuniu-se a seguir para eleger a Mesa da Assembleia Geral, composta por Isilda Gomes (presidente) e pelos secretários Vítor Santos (Monchique) e Pedro Oliveira (Loulé).

Foi também formado o secretariado da Federação, cujos membros são Ana Passos (Faro), Castelão Rodrigues (Portimão), Fernando Anastácio (Albufeira), Maria José Mestre (Tavira), Marlene Guerreiro (S.B. Alportel), Paulo Neves (Faro), Porfírio Maia (Faro), Sérgio Nicolae (Olhão), Sérgio Viana (Vila Real de Santo António), Sónia Melo (Lagos), Susana Ferreira (Lagoa) e Vanda Guerreiro (Olhão).

Para o líder da Federação do PS Miguel Freitas, «a paridade conquistada constitui um marco histórico na vida do partido, não só no Algarve, mas a nível nacional, já que é a primeira vez que se verifica, numa estrutura política, uma igualdade de género superior ao previsto na própria lei, que aponta para uma paridade de 33 por cento».

Aumentar a participação das mulheres em todos os órgãos partidários de representação e decisão regional é o grande desígnio de Miguel Freitas para este seu novo mandato como dirigente máximo dos socialistas algarvios.

A nível interno, o líder socialista pretende, também, trabalhar no sentido de cativar mais jovens e cidadãos estrangeiros para a vida do partido.

Dentro da actividade político-partidária, ficou decidido, por proposta de Miguel Freitas, que antes da realização do Fórum Autárquico vão ter lugar reuniões mensais desconcentradas da Comissão Política da Federação.

A metodologia aprovada é no sentido de que todos os municípios se envolvam na dinâmica partidária, tendo em atenção os três actos eleitorais que irão ter lugar em 2009. Daí a realização de seis rotas distintas: Rotas do Interior, do Guadiana, do Arade, da Costa Vicentina, da Polis Cidades e da Ria Formosa.


 
barlavento online

  Efigénio Rebelo

anda por Faro a falar da cidadania, da sustentabilidade regional, do ambiente e do desenvolvimento económico .

observatório do Algarve

 Culatra

com problema de saúde pública

observatório do Algarve

 Solidareidade em Olhão

ver mais

O movimento Somos Olhão!

anuncia em Conferência de Imprensa semana de denúncias e queixas a instâncias europeias.

ver mais

 


mano zé às 07:59
link do post | comentar

acompanhe a
blogosfera olhanense actualizada a cada meia hora

 

     aqui

visitantes desde 26/12/2008

arquivos

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

subscrever feeds