Sábado, 30 de Agosto de 2008
na última semana de Agosto, Olhão foi notícia em:

 

Ana Cabecinha, teve direito a festa

"Convidamos a população em geral a juntarem-se a nós nesta manifestação de reconhecimento pela excelente prestação da Ana Cabecinha nos Jogos Olímpicos", escrevia o Clube Oriental de Pechão em comunicado. ( observatório do Algarve )

O pescado descarregado em Olhão aumentou 90% no 1º semestre.

( barlavento online )

1ª Mostra de Cinema Histórico em Olhão.

Cine Clube de Olhão durante o mês de Setembro exibe:

 

“Os Fantasmas de Goya” de Milos Forman, “Cristóvão Colombo – Enigma” de Manoel de Oliveira, “Desmundo” de Alain Fresnot e “Master & Commander – O lado longínquo do mundo” de Peter Weir são os filmes que podem ser visualizados às sextas-feiras, pelas 21:30 horas, no Cinalgarve.

( Região Sul )

 

Olhanense

 vai à Covilhã, no domingo. ( Região Sul )

 

 

Foi publicado na imprensa escrita local, sobre Olhão, mas não foi conhecido na internet

A Rentabilização do Caíque Bom Sucesso
 
Olhão necessita de atrair turistas para animar a sua actividade comercial e, consequentemente, toda a economia local.
Ora, para atrairmos turistas é importante que os convençamos que temos “coisas” originais, que só aqui eles poderão encontrar, e para isso é importante valorizarmos o que temos de original, como é o caso do Caíque Bom Sucesso, actualmente exposto entre os dois Mercados Municipais.
Dar significados às “coisas” é a melhor forma de as valorizarmos. Se os turistas passarem pelo local e apenas virem um barco sem qualquer significado, o resultado é muito fraco. Mas se perceberem que este barco esteve associado à expulsão do exército napoleónico de Portugal, e que foi o primeiro correio marítimo a levar esta boa nova à Família Real que estava no Brasil, então o impacto psicológico no turista e na imagem que ele tem do barco e de Olhão é incomensuravelmente superior.
Ora, actualmente, atendendo não haver uma simples tabuleta com uma breve explicação do significado do caíque, o turista apenas vê um barco curioso, sem entender o que significa! Infelizmente esta situação persiste há cerca de três anos, com consequências negativas para todos, em particular para o turismo, o comércio e a nossa economia.
E é por tudo isto que nos parece ser uma extraordinária inépcia desta autarquia, passados três anos, ainda não ter conseguido colocar uma placa alusiva ao caíque.
O que é ainda mais extraordinário é a autarquia já ter sido alertada por mim, pessoalmente, várias vezes em 2005, 2006 e, finalmente, através da APOS, este ano (por escrito em Abril, e oralmente nas Assembleias Municipais de Março e Setembro) mas, mesmo assim, não conseguir fazer algo tão simples e barato!
Trata-se só de uma placa mas, uma Câmara que não consegue colocá-la, o que é que consegue fazer?
Uma Câmara que não entende o interesse de dar significados ao nosso património para atrair turistas e animar o nosso comércio, o que é que entende?
António Paula Brito
Presidente da APOS

 
artigo publicado no O Olhanense
o que os blogs publicaram esta semana sobre Olhão:

 

 Ecoteca de Olhão / Museu João Lúcio

Exposição "ECO-PROJECTOS"

 ....convida-o a visitar a Exposição "Eco-projectos" - Trabalhos realizados no âmbito do Concurso da Associação Almargem, aos alunos do 12ºano da Região Algarvia.
 

 

 Olhão livre

RECADO AO DITADOR LEAL

Dois representantes do Somos Olhão apresentaram-se,hoje dia 26 de Agosto para fazer entrega de algumas caras dirigidas aos Presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal bem como às bancadas dos partidos com assento naquela assembleia ...

 o Bate Estacas

Francisco Leal... Tropeça uma, duas, espalha-se de redondo e faz rir.

O que um F. Leal intelecto e politicamente honesto teria feito era por nova deliberação camarária, anular o processo em curso, voltar tudo á estaca zero e reiniciar um novo processo de elaboração do Plano de Pormenor da Zona Histórica da Cidade de Olhão, com regras de gente crescida.

 Somos Olhão!

infOlhão nº1

Câmara de Olhão recusa receber carta de Somos Olhão! – movimento de Cidadania para o seu presidente, Eng. Francisco Leal, a quem pedíamos informação de quem autorizou e ao abrigo de que legislação foi permitido que fosse construída esta edificação na Fuseta, a menos de 10 metros da água da Ria Formosa.

 

Elos Club de Olhão edita medalha

 

a aquisição desta medalha pode ser feita aqui 



mano zé às 07:28
link do post

acompanhe a
blogosfera olhanense actualizada a cada meia hora

 

     aqui

visitantes desde 26/12/2008

arquivos

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

subscrever feeds